É oficial! Meizu apresenta versão compacta do M1 Note com valor impressivo


 Após ser protagonista de uma extensa lista de rumores, a versão compacta do M1 Note foi finalmente revelada pela Meizu. Abandonando a denominação "mini", M1 traz especificações atraentes que o colocam em uma categoria localizada entre os smartphones de entrada e os intermediários. A nova investida da companhia permitirá a expansão do publico-alvo atingido por seus produtos, oferecendo a opção barata para quem é fã da marca ou está interessado em experimentá-la.

 Portando o mesmo design de seu "irmão maior", a novidade estará disponível em modelos coloridos, havendo possibilidade de escolher entre branco, rosa, azul, verde e amarelo. O foco em custo-benefício é explícito, reduzindo ainda mais o preço final ao utilizar componentes de marcas alternativas, como a própria fabricante asiática de chips, MediaTek. Apesar dos esforços para baratear os custos, não é sensato afirmar que o aparelho recém-anunciado possui qualidade inferior. Tal esteriótipo já deixou de existir.

Confortável para as mãos e para o bolso



 A primeira coisa que você deve saber sobre o Meizu M1: ele é barato. Os interessados em levar uma unidade do celular para casa devem pagar a quantia de US$ 110, ou R$ 282 se desconsiderarmos os impostos brasileiros. Ao comparar o número com as funções oferecidas pelo gadget, pode-se confirmar um dos melhores custo-benefícios do mercado atual. Com o tamanho diminuto, a experiência de segurá-lo na palma da mão será agradável para quem não é fã de phablets.

Eis as especificações completas do M1:
  • Tela de 5 polegadas com resolução HD (1280 x 720 pixels)
  • 1 GB de RAM
  • Chipset MediaTek MT6732 com CPU de quatro núcleos rodando a 1.5 GHz cada
  • Mali T760 MP2 com clock de 500 MHz para os gráficos
  • 8 GB de memória para o armazenamento interno (expansível por meio de cartão microSD)
  • Câmera principal e frontal de 13 (abertura de f/2.0) e 5 megapixels, respectivamente
  • LED posterior para flash
  • Suporte às redes 4G LTE, Wi-Fi e Bluetooth
  • Bateria de 2.610 mAh
  • Android 4.4 KitKat com interface desenvolvida pela própria Meizu
 A pré-venda do M1 será iniciada em 5 de fevereiro em território chinês. Embora não exista previsão para a expansão comercial da Meizu, aqueles que realmente querem adquirir seus produtos podem visitar sua loja oficial e optar por arcar com os impostos nacionais a fim de obter um exemplar do eletrônico. Para o Brasil, o resultado seria de R$ 451 com os tributos governamentais já adicionados. Ainda é uma pechincha, não é mesmo?!

Fonte: Tudocelular

Esse perfil e de propriedade de glaucio (glau), mais e ultilizado pela equipe que trabalha no site. Twitter: @tecworldk. Whats: (+55) 11-958602911 (Duvidas).

Compartilhe e Divulgue o Site! :)

Inscreva-se e Receba todas as Notícias no seu Email.

Postagens Relacionadas

Comente, Pergunte, Avalie. Estamos pronto pra Responder sua Duvida.