Após rival ganhar mais 1 GB de RAM, Meizu M1 também é beneficiado com memória adicional


 Em janeiro, a Xiaomi oficializou a versão mais poderosa do Redmi 2. Lançado ainda neste ano, o smartphone é uma opção intermediária com chipset Qualcomm Snapdragon 410 64-bit e tela de 4.7 polegadas com resolução HD (1280 x 720 pixels), sendo que o modelo renovado possui 1 GB de RAM adicional, contando então com 2 GB para distribuir entre os processos do sistema operacional. Nesta sexta-feira (06), seu rival direto no mercado chinês, "Blue Charm" M1, também foi beneficiado com memória adicional.

 Semanas após o lançamento de seu concorrente, a variante com 2 GB de RAM do aparelho da Meizu foi apresentada formalmente no blog oficial da companhia asiática. Desta forma, o celular será capaz de realizar mais funções ao mesmo tempo e, mesmo assim, conseguirá manter a fluidez necessária do Android. O restante das características, incluindo a aparência e os demais componentes, permanecerão estáticos, mudando então o preço final e o espaço de acesso randômico. Relembre o visual do produto:
 
 Meizu "Blue Charm" M1 veio para competir no mercado de smartphones intermediários, sendo um dos principais do Xiaomi Redmi 2.
 
Esta é a lista com as especificações técnicas da nova versão do Meizu "Blue Charm" M1:
  • Tela de 5 polegadas com resolução HD (1280 x 720 pixels)
  • 2 GB de RAM
  • Chipset MediaTek MT6732 com CPU de quatro núcleos rodando a 1.5 GHz cada
  • Mali T760 MP2 com clock de 500 MHz para os gráficos
  • 8 GB de memória para o armazenamento interno (expansível por meio de cartão microSD)
  • Câmera principal e frontal de 13 (abertura de f/2.0) e 5 megapixels, respectivamente
  • LED posterior para flash
  • Suporte às redes 4G LTE, Wi-Fi e Bluetooth
  • Bateria de 2.500 mAh (antes 2.610 mAh)
  • Android 4.4 KitKat com interface desenvolvida pela própria Meizu
 Trabalhando junto ao chipset MediaTek MT6732, o 1 GB adicional atrairá quem já estava de olho do gadget, mas procurava por um desempenho superior. De fato, a Meizu está fazendo sucesso com seu mais novo low-end, comercializando 100 mil unidades em apenas 60 segundos através de varejistas chinesas. Para a nova versão, os interessados em levar um exemplar para casa precisam desembolsar 799 Yuan, ou R$ 355 se os impostos brasileiros forem desconsiderados. Uma boa alternativa por um preço baixo.

Fonte: Tudocelular

Esse perfil e de propriedade de glaucio (glau), mais e ultilizado pela equipe que trabalha no site. Twitter: @tecworldk. Whats: (+55) 11-958602911 (Duvidas).

Compartilhe e Divulgue o Site! :)

Inscreva-se e Receba todas as Notícias no seu Email.

Postagens Relacionadas

Comente, Pergunte, Avalie. Estamos pronto pra Responder sua Duvida.