Meizu M2 disponível internacionalmente por US$ 130 mais impostos


 No mês de julho deste ano, Meizu reuniu sua principal equipe de palestrantes em um evento na China para apresentar seu novo celular barato, M2. Quando falamos em barato, o que realmente queremos dizer é que o valor foi quase inacreditável. Entretanto, a parte negativa disso tudo é que a companhia asiática só atua em seu continente de origem, mas agora os consumidores ao redor do mundo também podem desfrutar do modelo, que possui uma das melhores proporções entre o custo e benefício no mercado de telefonia móvel do presente momento. Internacionalmente, cada exemplar do aparelho custará US$ 130 mais impostos e o frete de entrega.

Meizu M2
 Traduzindo para reais, US$ 130 são transformados em R$ 453 na cotação atual do dólar, desconsiderando os tributos governamentais cobrados no Brasil. Mas, como a embalagem passará pela alfândega e, consequentemente, será taxada, saiba que o resultado é de R$ 725 após aplicar uma porcentagem de 60%. Naturalmente, ainda falta a quantia necessária para o despache, que muda de local para local, então tenha em mente que este ainda não é o preço integral. É verdade que a etiqueta global não é tão inferior quanto os US$ 96 cobrados em território chinês, mesmo assim, é uma boa alternativa para quem quer experimentar o produto da Meizu.
 Pelo valor citado acima, os clientes que decidirem importar um exemplar do Meizu M2 irão contar com uma tela de 5 polegadas em resolução HD (720 x 1280 pixels), 2 GB de RAM, chipset MediaTek MT6735 com processador de quatro núcleos rodando a 1,3 GHz e Mali-T720 MP2 como placa gráfica, 16 GB de memória para o armazenamento interno, expansível via cartão microSD de até 128 GB, câmera principal de 13 megapixels acompanhada de um LED para o flash, câmera frontal de 5 megapixels, suporte às redes 4G LTE e uso simultâneo de dois chips de operadora, bateria de 2.500 mAh e Android 5.0 Lollipop como sistema operacional, modificado pela interface Flyme OS.

Meizu M2
 Meizu é uma das empresas chinesas mais animadoras, não só pelos seus preços arrasadores, mas também pela sua história de inspiração na Apple. É interessante acompanhar como a companhia tenta se distanciar da Maçã ao investir em seus produtos próprios, embora ainda tenha um longo caminho a percorrer antes de criar uma personalidade individual. M2 é um exemplo de como reduzir fortemente o custo de produção de cada unidade de um smartphone, portanto esperamos que a marca oriental acompanhe os mesmos passos de sua conterrânea Xiaomi e desembarque oficialmente no Brasil em um futuro próximo.
Fonte: Tudocelular

Esse perfil e de propriedade de glaucio (glau), mais e ultilizado pela equipe que trabalha no site. Twitter: @tecworldk. Whats: (+55) 11-958602911 (Duvidas).

Compartilhe e Divulgue o Site! :)

Inscreva-se e Receba todas as Notícias no seu Email.

Postagens Relacionadas

Comente, Pergunte, Avalie. Estamos pronto pra Responder sua Duvida.