Xiaomi oficializa estreia da MIUI 7 para evento em 13 de agosto


 O boato era que a Xiaomi reuniria sua melhor equipe de palestrantes em um evento datado para 16 de agosto, onde a estrela do palco seria a nova versão de sua interface baseada no Android, MIUI 7. Todavia, na madrugada desta terça-feira, 04, a companhia chinesa usou sua conta no Weibo, uma das maiores redes sociais em território asiático, para confirmar a estreia pública do remodelado ambiente virtual baseado no robozinho, mas alguns dias antes, em 13 de agosto. De fato, uma galeria de imagens publicada anteriormente já revela a situação em que o desenvolvimento da plataforma se encontra, mostrando ferramentas nativas e a aparência geral do software criado pela marca oriental:

 Nota-se que a empresa sediada no país da China deve manter as cores fortes usadas em versões anteriores da MIUI, além de apostar no minimalismo para 'competir' com o Android Lollipop sem quaisquer alterações em seu código ou visual. Além de otimizar o sistema operacional em termos de design, a equipe de programadores responsável pelo projeto irá, provavelmente, aplicar um grande esforço na aprimoramento da eficiência apresentada pela interface, buscando reduzir o tempo de espera na abertura de aplicativos, melhorando a fluidez ao interagir com os elementos digitais e demais retoques necessários.
 Xiaomi, inclusive, embora seja conhecida por seus celulares bons e baratos, foi fundada como um estúdio de desenvolvimento de software, como o próprio Hugo Barra teve certeza de enfatizar quando veio ao Brasil anunciar a venda dos produtos da fabricante localizada na Ásia. Desta forma, quando usamos a modificação do Android feita por ela, temos acesso a dezenas de temas em cargo de trocarem quase todos os aspectos da plataforma original feita pela Google. Um deles é feito com inspiração em nossa nação, chegando junto ao Redmi 2, atualmente o único smartphone da mesma a ser comercializado por aqui, na tentativa de agradar os brasucas.

Redmi Note 2 teria especificações medianas que, aliadas a um preço verdadeiramente camarada, atrairia os consumidores que querem boas funções, mas precisam economizar na hora de adquirir um modelo
 Finalizando, acredita-se que a companhia chinesa aproveite a mesma data para mostrar pela primeira vez seu novo phablet intermediário, desembarcando no mercado de telefonia móvel como Redmi Note 2, trazendo uma tela de 5,5 polegadas em resolução Full HD (1920 x 1080 pixels), decorrendo 2 GB de RAM, chipset com processador de oito núcleos rodando a 2,0 GHz, vindo em duas variantes distintas, uma feita em parceria com a Qualcomm e outra com a MediaTek, bateria de 3020 mAh e Android Lollipop como sistema operacional, provavelmente já moldado pela MIUI 7.
 Evidentemente, Xiaomi ainda não confirmou nada do que está sendo dito pelas fontes, então devemos aguardar até 13 de agosto para descobrir quais são seus verdadeiros planos.

Fonte: Tudocelular

Esse perfil e de propriedade de glaucio (glau), mais e ultilizado pela equipe que trabalha no site. Twitter: @tecworldk. Whats: (+55) 11-958602911 (Duvidas).

Compartilhe e Divulgue o Site! :)

Inscreva-se e Receba todas as Notícias no seu Email.

Postagens Relacionadas

Comente, Pergunte, Avalie. Estamos pronto pra Responder sua Duvida.