Dispositivos lançados com Android Marshmallow deverão trazer encriptação obrigatória


 Quando Google lançou o Android Lollipop, a gigante das buscas deu o pontapé inicial na implementação de uma criptografia nativa no sistema para deixar as informações dos usuários mais seguras. A novidade vem ativada por padrão nos Nexus 6 e Nexus 9. No entanto, as fabricantes se negaram a usar o recurso em seus lançamentos devido à perda de desempenho e redução na autonomia de bateria. Com isso, a criadora do Android apenas deixou claro na documentação do sistema que era altamente recomendável usar a criptografia para reduzir os riscos de perda de dados importantes.
 Agora no Android Marshmallow Google quer ‘obrigar’ o uso da criptografia em novos dispositivos lançados com esta versão do sistema. Assim, quando você comprar um Galaxy ou Xperia, por exemplo, durante a etapa de configuração do Android será informado sobre a criptografia do sistema e seus benefícios. Mas, e a perda de desempenho, como fica? Google informa na nova documentação que apenas aparelhos que contem com memória com taxa de desempenho acima de 50 MB/s em modo Advanced Encryption Standard (AES) é que deverão oferecer a criptografia de forma nativa. Assim, os modelos mais simples ficarão de fora.
 E os modelos atuais do mercado que foram lançados com Lollipop e que serão atualizados para o Marshmallow? Google informa que esta escolha fica a cargo de cada fabricante. Eles devem ativar ou não o recurso, informando aos seus clientes o que a novidade irá implicar em termo de segurança e desempenho no smartphone. Além disso, Google quer que as fabricantes incentivem os seus usuários a usarem senhas mais robustas nos smartphones. Não adianta nada ativar a criptografia se você deixa seu celular sem proteção na tela de bloqueio ou usa uma senha muito óbvia.
 Tais medidas poderão ser irritantes para alguns, mas não deverá demorar para surgirem soluções que permitam desativar tal criptografia como aconteceu com os Nexus 6 e 9. Realmente é notável a preocupação da Google em deixar o seu sistema mais protegido, mas isso deverá ser uma escolha do usuário e não dela ou da fabricante do smartphone. Muitos acham irritante ter que digitar uma senha toda hora que desbloqueiam o celular e acaba usando um padrão mais simples ou mesmo nem usando alguma forma de bloqueio. De qualquer forma, vamos esperar para ver como as fabricantes vão reagir a tais mudanças.
Fonte: Tudocelular

Esse perfil e de propriedade de glaucio (glau), mais e ultilizado pela equipe que trabalha no site. Twitter: @tecworldk. Whats: (+55) 11-958602911 (Duvidas).

Compartilhe e Divulgue o Site! :)

Inscreva-se e Receba todas as Notícias no seu Email.

Postagens Relacionadas

Comente, Pergunte, Avalie. Estamos pronto pra Responder sua Duvida.